Como perder a vontade de comer doces de uma vez por todas?

em

São várias as ocasiões em que aquele docinho cai bem, não é mesmo? Após o almoço, depois de um dia estressante, quando estamos chateados… A verdade é que para as pessoas que se consideram formiguinhas de plantão, qualquer momento é hora pra atacar uma guloseima!

O problema é que o consumo exagerado de açúcar compromete a silhueta e a saúde, favorecendo o ganho de peso e o desenvolvimento de doenças relacionadas, como a diabetes. Mas então, como tirar a vontade de comer doces?

Neste post, vamos dar algumas dicas pra você perder o desejo incontrolável por esse vilão da boa forma. Confira!

De onde vem o desejo de comer açúcar?

O açúcar, assim como outros carboidratos refinados, faz com que o organismo libere serotonina — substância que atua no cérebro dando sensação de prazer, sendo o mesmo mecanismo dos vícios em drogas e álcool.

Parar de comer doces pode ser uma tarefa muito difícil pra algumas pessoas e em alguns casos é necessário o acompanhamento profissional pra conseguir controlar essa compulsão.

Quando o alimento rico em açúcar é absorvido pelo organismo, a glicose no sangue sobe rapidamente e isso faz com que o pâncreas libere uma grande quantidade de insulina pra dar conta. Aí, o nível de glicose sanguíneo cai de novo e vem a fome. Isso torna um ciclo em que comer doces dá mais fome e contribui para o aumento do peso corporal.

Afinal, como tirar a vontade de comer doces?

Mesmo que pareça quase impossível controlar o desejo por doces, alguns truques podem enganar o cérebro e ajudar você nessa missão. Outra boa notícia é que com eles é possível reeducar os seus hábitos e tirar a vontade de comer doces!

Liste as situações em que você mais deseja os doces

Às vezes é preciso parar e analisar em que momentos a vontade de comer doces surge: se é quando está triste, chateado ou ansioso; se é após as refeições; se já virou um hábito ou outra razão.

Coloque tudo no papel pra que você consiga rever a sua rotina e o costume de comer alimentos açucarados, assim fica mais fácil mudar as atitudes que são gatilhos para a compulsão por doces.

Compense a vontade de doces com outras atividades

As mesmas substâncias que o açúcar faz o organismo liberar e que geram as sensações de prazer no cérebro podem ser ativadas por meio dos exercícios físicos. Então praticar atividades físicas regularmente, além de queimar calorias e gordura, mantém você afastado dos doces.

Você também pode fazer outras atividades que deem satisfação e tire seu pensamento das guloseimas, como um hobbie, técnicas de meditação, trabalhos manuais e outras.

Recorra às alternativas mais saudáveis

Quando o desejo se torna incontrolável, é hora de lançar mão de recursos mais saudáveis pra substituir as sobremesas e evitar os prejuízos causados por elas. Pra isso, podemos contar com alimentos mais nutritivos de sabor doce e que não comprometem a saúde, como:

  • chocolates acima de 70% de cacau (até 30 gramas por dia), eles contêm substâncias antioxidantes que são benéficas ao organismo;

  • frutas que podem ser in natura ou feitas em compotas e geleias sem adição de açúcar;

  • chicletes adoçados com xilitol, stévia, maltitol ou eritritol.

Escove os dentes logo após as refeições

Além de uma boa dica de saúde bucal, escovar os dentes após as refeições faz com que o desejo por doces nesse momento diminua ou, até mesmo, suma! Afinal, mesmo que você coma algo depois de escovar os dentes, o gosto da pasta de dentes, que fica na boca, altera o sabor dos alimentos tornando-os menos interessante.

Por isso, tenha sua escova e pasta sempre ao seu alcance e quando aquela vontade de açúcar bater ponha em prática mais esse truque!

Tenha uma alimentação equilibrada

A carência de nutrientes pode ser um dos fatores que levam à compulsão por doces. Isso, porque o organismo não sabe pedir pelos nutrientes de outra forma a não ser a fome. E é aí que mora o perigo, já que quem gosta de doces vai atacá-los!

Ter uma dieta balanceada e com alimentos saudáveis mantém seu organismo sempre bem nutrido e com menos fome. Então, consuma mais frutas, verduras e legumes e escolha proteínas, carboidratos e gorduras de qualidade e alto valor nutricional.

Ah! Uma dica importante: coma alimentos que contêm triptofano, ele é um aminoácido precursor da serotonina. Ele pode ser facilmente encontrado nos queijos, ovos, amendoim, banana, frango, castanha-de-caju e outros.

Diminua o índice glicêmico das refeições

O índice glicêmico se refere à velocidade em que os carboidratos dos alimentos são absorvidos pelo organismo e transformados em glicose (açúcar). Quanto maior o índice glicêmico, mais rápida é essa transformação.

Lembra que falamos sobre o aumento brusco da insulina no sangue depois do consumo de açúcar? Então, ele é chamado de pico de insulina. Os alimentos de alto índice glicêmico, incluindo os doces, causam essa situação que é desfavorável para o corpo porque aumenta o acúmulo de gordura e as chances de desenvolver o diabetes.

O consumo de alimentos com alto índice glicêmico ativa o ciclo de fome, mas podemos reverter essa condição! O truque é: sempre que for comer esse tipo de alimento, coma também uma proteína ou uma fonte de gordura boa junto dele.

As proteínas e as gorduras têm a digestão mais demorada e a absorção mais lenta. Aí se você come uma fonte de um desses nutrientes, a absorção dos açúcares também é retardada e o índice glicêmico da refeição é reduzido. Uma ótima notícia, não é?

Bom, essas foram as nossas dicas de como tirar a vontade de doces. São atitudes simples e eficazes que você deve pôr em prática no seu dia a dia e assim controlar o impulso em consumir açúcar. Sua saúde agradece e o seu corpo também!

E aí, o que achou do nosso post? Deixe um comentário com as suas impressões. Ele é muito importante pra que a gente faça conteúdos cada vez melhores pra você!